País que faliu e com população menor que Itaquera vai jogar a Euro pela 1ª vez

Leave a Comment

Ela abriga apenas 331.918 habitantes (para efeito de comparação, o bairro de Itaquera, em São Paulo, tem 523.848 pessoas), é uma pequena ilha ao norte da Inglaterra e convive com o frio praticamente o ano inteiro. Essa é a Islândia, um país que faliu depois de uma grave crise financeira em 2008, mas que agora comemora a classificação para a primeira Eurocopa da sua história.

No último domingo, a seleção islandesa empatou por 0 a 0 com o Cazaquistão e se garantiu nas duas primeiras colocações do grupo A nas eliminatórias da Euro 2016. Em 2013, a Islândia chegou a sonhar com a inédita vaga na Copa do Mundo de 2014. A equipe foi para a repescagem das eliminatórias europeias, mas acabou eliminada pela Croácia.

Mesmo assim, para um futebol pouco tradicional como o islandês, a classificação para o primeiro grande torneio internacional é algo para se comemorar. No esporte, a vaga na Euro simboliza a volta por cima de um país que estava falido há sete anos.

A Islândia sofreu grave crise financeira em 2008, quando três dos principais bancos islandeses (Glitnir, Landsbanki e Kaupthing) passaram a ser controlados pelo governo. Na sequência, os três foram passados à Autoridade de Supervisão Financeira da Islândia (FME).


Mais tarde, a dívida do país chegou a representar 900% do PIB, além da desvalorização de 80% da moeda local, a coroa islandesa, em relação ao euro. Depois, a taxa de juros foi reduzida, a bolsa do país ainda ficou fechada por um período, e o governo, falido, pediu ajuda ao Fundo Monetário Internacional (FMI).

A Islândia só foi sair da crise dois anos mais tarde, em 2010, depois de deixar os bancos irem à falência e fortalecer a economia a partir da indústria.

Fonte:  MSN Esportes

0 comentários:

Postar um comentário

O QUE É BOM ESTÁ NO BOLA
aqui você ver tudo que acontece no mundo do futebol
Leia na página: "ABOUT" - Termos e Condições - antes de fazer seu comentário