Blatter se diz vítima de "inquisição"

Leave a Comment

O presidente demissionário da Fifa, Joseph Blatter, comparou a ação da Comissão de Ética da entidade aos tempos da inquisição, depois de ser suspenso de forma provisória por 90 dias por suspeitas de corrupção.

"Como bom cristão, tenho que dizer que o que a Comissão de Ética está fazendo comigo é como uma inquisição", afirmou o cartola, citado pela agência ATS News Agency.

Nesta quarta-feira, o suíço também deu entrevista à SF DRS TV, na qual usou novamente um tom irônico para se defender das acusações que pesam contra ele.

"Não sou eu que tenho tenho que provar minha inocência", alegou. "Não sou um homem mau", sentenciou.

Além da suspensão pela Comissão de Ética da Fifa, o cartola está sendo investigado pela justiça suíça por "gestão desleal", por ter vendido direitos de transmissão da Copa do Mundo a valores abaixo do mercado.

O suíço também é alvo de acusações por conta de um pagamento de 1,8 milhão de euros ao francês Michel Platini, presidente da Uefa e candidato à sua sucessão na Fifa, que também foi suspenso por 90 dias.

Na segunda-feira, Blatter chegou a afirmar, em outra entrevista, à TV suíça RTS, que "Platini é um homem honesto".

O dirigente ainda disse que se viu "perto da morte" quando teve o incidente de saúde que o deixou internado por uma semana no início do mês.

"Eu estava perto entre anjos cantando e o diabo ascendendo a fogueira, mas os anjos acabaram cantando mais alto", desabafou o suíço de 79 anos.

Fonte:  MSN Esportes

0 comentários:

Postar um comentário

O QUE É BOM ESTÁ NO BOLA
aqui você ver tudo que acontece no mundo do futebol
Leia na página: "ABOUT" - Termos e Condições - antes de fazer seu comentário