CBF divulga melhorias na logística da Série B 2013

Leave a Comment
seria_b2013
Entre as novidades, foi divulgado o reajuste em 50% do valor total da cota de televisão, o aumento do número de bolas e de passagens aéreas.

Representantes dos 20 clubes que disputarão a Série B do Campeonato Brasileiro 2013 estiveram reunidos na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) nesta terça-feira, dia 26, com o presidente da entidade, José Maria Marin; com o vice, Marco Polo Del Nero; e o diretor de competições, Virgílio Elísio. O objetivo do encontro foi apresentar as novidades acerca da competição nacional, entre as quais, os valores das cotas de televisão, número de passagens, entre outras.

De acordo com o presidente do Paysandu, Vandick Lima, a logística da competição nacional terá algumas mudanças e melhorias, com a CBF custeando os valores de passagens e hospedagens para todos os integrantes da comissão técnica. Além disso, o repasse da cota de televisão aumentou em 50% em relação ao passado, bem como o número de bolas repassadas aos clubes. Também será de responsabilidade da entidade o custo dos exames antidoping, que antes eram pagos pelos clubes com a receita da comercialização de ingressos.

A cota aumentou em 50% realmente. Ano passado, os clubes recebiam, líquido, o valor de R$ 1,8 milhão. Este ano a cota será de R$ 2,7 milhões (R$ 3 milhões bruto, sem os referidos descontos), o que renderá para cada equipe oito parcelas de R$ 337.500 mensais, a partir do mês de maio, com exceção de Palmeiras e Sport, pois ambos são do Clube dos 13. Além disso, receberemos mais bolas. Antes eram 75 e, agora, serão 200. E as passagens também sofreram reajuste de 25 para 28 – explicou o presidente do Papão da Curuzu.

Ainda sobre a reunião, Vandick contou que a CBF irá propor ao Congresso Nacional um Projeto de Lei (PL), sugerindo a extinção das dívidas de todos os clubes das Séries A, B, C e D com a União. Com isso, as agremiações se comprometeriam em pagar rigorosamente todos os seus tributos, dentro eles, INSS e FGTS, sob pena de perderem pontos nas competições em que estejam inseridas no cenário nacional. Outro pré-requisito é o estímulo aos esportes olímpicos, já que cada clube teria que ter pelo menos três modalidades em seu quadro esportivo.

Premiação aos quatro clubes ascendentes
O presidente do Paysandu também revelou que o presidente da CBF, José Maria Marin, anunciou os valores dos prêmios referentes aos clubes que ascenderam da Série C para a B. O campeão brasileiro da Série C 2012, o Oeste de Itápolis, receberá a quantia de R$ 400 mil pelo título. Já os demais: Paysandu, Icasa e Chapecoense, receberão o montante de R$ 200 mil pelo acesso.

0 comentários:

Postar um comentário

O QUE É BOM ESTÁ NO BOLA
aqui você ver tudo que acontece no mundo do futebol
Leia na página: "ABOUT" - Termos e Condições - antes de fazer seu comentário