Del Nero explica fuga da Suíça e se defende: "Não tenho nada a ver com isso"

1 comment
Presidente da CBF chegou ao Brasil nesta madrugada e afirmou que não está envolvido no esquema de corrupção que acabou prendendo o ex-mandatário da entidade José Maria Marin

O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, resolveu explicar a sua fuga da Suíça na quinta-feira e convocou uma coletiva de imprensa para manhã desta sexta-feira, na sede da entidade, no Rio de Janeiro - ele chegou da Europa na madrugada, por volta das 4h30.

"É um momento difícil para CBF, onde tivemos envolvido (no escândalo da Fifa) o vice e ex-presidente José Maria Marin. Resolvi partir da Suíça para poder, de forma positiva, de forma correrta, cumprir e dar as explicações necessárias, não só às autoridades, como também à imprensa do Brasil", disse Del Nero.

E mais: Com invasão e protesto, Blatter abre eleição na Fifa: "Não posso controlar tudo"

"Quando pensei em me ausentar com a situação grave, conversei com outros dirigentes da Conmebol da necessidade de eu retornar ao Brasil para dar as explicações necessárias, seja na Justiça, na Polícia Federal, enfim, em todos os setores. Por isso que estou presente. Deixamos nossos representantes lá para votar de acordo com a Conmebol", comentou.

 Fonte: Esporte iG

Um comentário:

O QUE É BOM ESTÁ NO BOLA
aqui você ver tudo que acontece no mundo do futebol
Leia na página: "ABOUT" - Termos e Condições - antes de fazer seu comentário